geral 04/04/2018 às 11:20

Coluna da Folha usa fake news para tentar intimidar o Exército

Coluna Painel, assinada pela jornalista Daniela Lima, diz que militares receberam anistia do STF. É simplesmente mentira.

Após as manifestações do General Eduardo Villas-Bôas, Comandante do Exército, em seu Twitter ontem (03), jornalistas, petistas e esquerdistas em geral entraram em um verdadeiro surto psicótico. Teve de tudo nas redes. Mas o mais ridículo ficou por conta da velha imprensa, aquela que diz combater as assim chamadas "fake news".

Na coluna Painel, principal coluna de política da Folha de São Paulo, a jornalista Daniela Lima publicou nota com o título "Verão Passado". Na nota, Lima afirma que "um integrante do STF fez questão de lembrar que foi a corte quem concedeu anistia aos militares e que, por isso, não há motivo para enxergar um gesto de intimidação ao tribunal". A informação é simplesmente MENTIROSA.

A Lei da Anistia foi promulgada em 1979, no governo do presidente (e general) João Baptista Figueiredo, para reverter punições aos cidadãos brasileiros que, entre os anos de 1961 e 1979, foram considerados criminosos políticos pelo regime militar. Os principais responsáveis na época pela reivindicação da Anistia eram esquerdistas que haviam cometido atos de terrorismo durante os anos referidos. Figueiredo tão somente a estendeu aos militares que haviam participado no combate aos que queriam implantar uma ditadura comunista no país.

O STF não deu nada. E os militares não devem nada ao STF. 

Tem gente querendo botar fogo no circo.

Como diziam os antigos, quem brinca muito com fogo acaba se queimando.

Notícias Relacionadas