politica 27/02/2018 às 19:56

Temer não descarta novas intervenções na segurança de outros estados

Entusiasmado com a política, Presidente afirma que não deixou a atividade e segue no jogo com vistas à eleição Presidencial.

Sem citar Estados, o presidente Michel Temer (MDB) não descartou nesta terça-feira (27) a possibilidade de decretação de novas intervenções federais na segurança pública. Na posse do novo ministro da Segurança Pública, Raul Jungmann (PPS), o emedebista disse que irá se reunir nesta quinta-feira (1º) com governadores do país para discutir medidas de redução da violência. “Eu chamei os senhores governadores para fazermos uma reunião, e, pontualmente, vamos verificando caso a caso “, disse.

Segundo ele, possíveis novas intervenções serão de responsabilidade da nova pasta, que foi assumida nesta terça-feira (27) pelo ministro Raul Jungmann. Em discurso durante a cerimônia no Palácio do Planalto, o presidente disse que o governo federal não atuará apenas no Rio de Janeiro, uma vez que uma ajuda federal é solicitada em todo o país. Para ele, a intervenção federal é “democrática” e “civil”.

Em meio à possibilidade dele se lançar candidato à reeleição, ele disse que se sente cada vez mais “entusiasmadamente inserido” na vida política. “Eu passei 24 anos no Poder Legislativo e não abandonei a vida política. Nela, eu me encontro entusiasmadamente inserido”, concluiu.

Notícias Relacionadas