politica 15/12/2017 às 10:50

Alta cúpula do governo Chávez tinha mais de US$ 2 bilhões em bancos da Andorra e da Suíça

No estilo bolivariano, é assim que se tira milhões da pobreza. Ou bilhões...

Informa o Estadão:

Bancos de Andorra e da Suíça foram utilizados por pelo menos cinco anos pela cúpula do então presidente Hugo Chávez (1999-2013) para desviar US$ 2,3 bilhões da Venezuela, segundo o jornal espanhol El País. O dinheiro viria de subornos pagos em troca de contratos entre empresas estrangeiras e a PDVSA, a estatal de petróleo do país. Os dados revelados pelo jornal espanhol e confirmados nesta quinta-feira,14, pelo Estado, indicam que o Banco Privado de Andorra, também envolvido em pagamentos de subornos da Odebrecht, foi o canal utilizado para parte dos pagamentos. Dali, o dinheiro seguia para a Suíça. A investigação, que já dura dois anos, agora permite refazer parte do caminho do dinheiro.

Para ver que não existem coincidências, a descoberta basicamente comprova que toda a estrutura política ligada ao Foro de São Paulo operava de forma muito parecida. O esquema chavizta se difere dos esquemas do PT no Brasil apenas por um detalhe: a quantia. Como a Venezuela é um país muito mais pobre do que o nosso, os desvios foram "menores". Contudo, pode-se observar que o modo operante ainda assim é o mesmo.

No estilo bolivariano, é assim que se tira milhões da pobreza. Ou bilhões...

Notícias Relacionadas