economia 25/10/2017 às 10:42

Para líder do DEM, Brasil pode entrar em falência em 2019

Deputado Pauderney Avelino (DEM-AM) avalia que sem Reforma da Previdência um calote nas contas no primeiro ano de mandato do próximo Presidente é inevitável.

A herança maldita deixada pelo PT nas contas públicas aparece com cada vez mais força. Estudioso da situação da Previdência, o líder do Democratas na Câmara dos Deputados, Pauderney Avelino (AM), acredita que sem uma Reforma aprovada, o default (calote) nas contas públicas é inevitável em 2019.

O último país a declarar default em larga escala foi a Grécia, gerando uma verdadeira convulsão social e até mesmo a eleição de deputados declaradamente nazistas, além de um governo de extrema-esquerda que logo em seguida se viu obrigado a negociar com os credores para não piorar ainda mais a situação do país.

Hoje Temer deve escapar da 2ª denúncia apresentada pelo ex-Procurador Geral da República, Rodrigo Janot.

Que os parlamentares tenham juízo e deem andamento à Reforma da Previdência logo em seguida.

As informações são do site Diário do Poder, na coluna do jornalista Cláudio Humberto.

Notícias Relacionadas