geral 14/08/2017 às 12:09

Para Elon Musk, a ameaça não é a Coreia do Norte, mas sim a inteligência artificial

Foi através da sua conta pessoal do Twitter que Elon Musk divulgou quais as suas preocupações com a situação nos EUA. Apesar dos problemas com a Coreia do Norte, o diretor executivo da Tesla preocupa-se mais com a inteligência artificial.

Elon Musk é um entusiasta da tecnologia e detém várias empresas responsáveis por grandes avanços tecnológicos. Entre elas a Tesla, a Space X e a Boring Company que têm feito vários avanços nas diversas áreas em que atuam. Mas empresário tem alguns problemas com a inteligência artificial, mais propriamente com a evolução desta tecnologia e dos problemas que pode vir a causar.

Depois de expor a sua opinião de que era necessário regular, rapidamente a inteligência artificial antes que fosse tarde de mais, explicando, que "pode ser pouco provável imaginar robôs a descer a rua e a matar pessoas, mas temos de ser pró-ativos [na regulação da Inteligência Artificial], porque se formos reativos poderá ser demasiado tarde". Também Bill Gates, fundador da Microsoft, já se mostrou preocupado com os avanços da inteligência artificial que podem vir, um dia, a retirar o emprego a muitas pessoas.

A mais recente publicação sobre este assunto na conta do Twitter de Elon Musk veio reforçar as preocupações do empresário que, no tweet, diz: "Se não estão preocupados com a inteligência artificial, deviam. É muito mais arriscada que a Coreia do Norte."

 

If you're not concerned about AI safety, you should be. Vastly more risk than North Korea. pic.twitter.com/2z0tiid0lc

— Elon Musk (@elonmusk) August 12, 2017
Notícias Relacionadas