geral 06/03/2017 às 12:44 - Atualizado em 08/03/2017 às 09:59

Folha - Um jornal a serviço do PT

Não é de hoje que apontamos que o ex-jornal paulista virou um panfleto petista. Mas na última semana a Folha conseguiu se superar.

Não é de hoje que este Sul Connection aponta que a Folha de São Paulo deixou de ser um jornal para se transformar em um mero panfleto petista. No auge do impeachment, por exemplo, a Folha tornou-se obcecado com o MBL, atacando de maneira covarde e mentirosa um de seus líderes, Renan Santos. Até mesmo o juiz Sérgio Moro já foi vítima dos métodos de fake news do jornal paulista: em Dezembro do ano passado, a Folha inventou uma viagem de Moro aos Estados Unidos. 


Já no início deste ano, a Folha destacou-se por fazer uma oposição cerrada ao governo Doria, atacando até mesmo projetos que são verdadeiras unanimidades, como o "São Paulo Cidade Linda". Em janeiro, o Diretor deste Sul Connection, Eduardo Bisotto, já disparava: "De jornalismo, a Folha não tem mais nada".


Mas na semana passada o panfleto petista com sede em São Paulo conseguiu se superar: em meio às delações premiadas de Marcelo Odebrecht, que representam uma verdadeira pá-de-cal no PT, em Lula e Dilma, o jornal dedicou-se a embolar o meio-campo, tentando fazer com que doações legais a Temer e ao PSDB de Aécio Neves ficassem parecendo o mesmo que a propina recebida pelos petistas. 


É o fundo do poço. O jornal que já teve Renata Lo Prete cravando o furo do mensalão, o jornal que teve Vera Magalhães, uma das mais competentes jornalistas políticas do país em seus quadros, o jornal que viu Claudio Abramo revolucionar o jornalismo brasileiro, reduziu-se a um panfleto.


É asqueroso, mas ao mesmo tempo é triste.


Descanse em paz, Folha. Já sentimos sua falta.

#RIPFolha.


ASSISTA AO VÍDEO:

Notícias Relacionadas