geral 22/02/2017 às 19:52

Anistia Internacional diz que discurso de ódio ameaça o mundo. E você achando que terrorismo e as guerras eram o problema

Organização afirma em seu relatório anual que retórica tóxica está criando um mundo mais dividido e perigoso. Parece piada.

Preocupado com as guerras, a fome, o terrorismo? Pode esquecer. O problema do mundo não é esse. O problema é o discurso de ódio. Não, não é piada.


Esta é a conclusão do relatório anual da famigerada organização Anistia Internacional. Suposta defensora dos Direitos Humanos, a organização resolveu virar fiscal de expressão e decidir o quê pode e o quê não pode falar. Em um mundo penando com o Estado Islâmico na Síria, o Hezbollah na Palestina, o Boko Haram na África, as imigrações em massa de miseráveis do Oriente Médio para a Europa e conflitos espalhados em toda a parte, é com o suposto "discurso do ódio" que a organização está preocupada.


Como nenhuma piada macabra está completa caso não seja contada no lugar errado, a Anistia Internacional apresentou seu relatório em Paris. É a mesma cidade que foi vítima do terrorismo com o ataque à boate Bataclan. No mesmo país que viu um maluco islâmico atropelar e matar vários frances dirigindo um caminhão.


Fazendo uso dos mais do que manjados chavões esquerdistas, a Anistia mandou ver. "A retórica tóxica e desumanizadora está criando um mundo mais dividido e perigoso", tenta alertar. Segundo a instituição, 2016 foi um ano no qual "o uso cínico de uma retórica do 'nós contra eles' em discursos de culpa, ódio e medo adquiriu proeminência global em uma escala nunca vista desde a década de 1930". Curiosamente, quando Lula praticava esta retórica até não poder mais no Brasil e Chávez abusava dela na Venezuela, não se ouviram protestos da boca da hipócrita Anistia.


Denunciar este tipo de pilantragem da esquerda globalista está longe de ser discurso de ódio: é apenas uma medida saneadora, impedindo que o mínimo de sanidade que ainda resta no diagnóstico dos problemas globais seja engolido por esta ideologia nefasta.

Notícias Relacionadas