politica 20/02/2017 às 19:42 - Atualizado em 20/02/2017 às 22:47

Sarney quer fugir de Sérgio Moro

Ex-Presidente e ex-Senador topa ser julgado em qualquer lugar. Menos pelo juiz responsável pela Lava-Jato.

O ex-Presidente da República e ex-Senador José Sarney (PMDB-MA) tem uma meta no momento: escapar para o mais longe possível do juiz Sérgio Fernando Moro. Para isso, Sarney não exitou e recorreu ao Supremo Tribunal Federal: o julgamento de seu pedido para que o processo do qual é alvo saia das mãos de Moro e vá para o próprio STF ou então para a Justiça Federal de Brasília está na pauta da 2ª Turma do STF nesta terça-feira.


Bem conversadinho, Sarney topa ser julgado em qualquer lugar, menos por Moro. As informações são do site Poder360.


O nome de José Sarney é citado 49 vezes na delação de Sérgio Machado. O delator diz ter direcionado R$ 18,5 milhões ao peemedebista nos anos em que chefiou a Transpetro (2003-2014).


Vale ressaltar: as sessões das Turmas do STF, diferentemente das sessões do plenário, não são televisionadas.

Notícias Relacionadas