geral 19/02/2017 às 17:49

Cantora que arrasou no Grammy com vestido pró-Trump sonha em cantar We Are The Champions na Casa Branca

Perguntada por que ela decidiu basicamente trolar o Grammy, Villa explicou que ela estava "cansada" do tratamento de Hollywood aos apoiadores de Trump. 

Depois de gerar uma repercussão gigantesca com um vestido pró-Trump no Grammy Awards do domingo passado e em seguida fazer disparar a execução de suas músicas no gráfico de singles na Amazon, a cantora Joy Villa revelou em entrevista exclusiva ao site Breitbart que ela tem mais um objetivo em mente: cantar We Are The Champions em plena Casa Branca.
 

"Esse é o meu objetivo", afirmou Villa sobre cantar a música para Trump. "Isso é o que eu adoraria fazer. Eu gostaria de mostrar apoio e atuar em favor do presidente. E isso seria apenas a cereja em cima de tudo", destacou.


Perguntada por que ela decidiu basicamente trolar o Grammy, Villa explicou que ela estava "cansada" do tratamento de Hollywood aos apoiadores de Trump. 


"Eu estava cansada do bullying", disse ela em uma entrevista por telefone. "Eu estava cansada de ser empurrada para baixo de modo que eu não poderia dizer minhas crenças. E ter medo de perder vendas. Perder fãs. Perder reservas. Perder contratos e patrocínio. Sabe, esse é o meu dia a dia. E muitos dos meus amigos sofrem com a mesma coisa. E nós vivemos em Hollywood, que supostamente é a cidade de ponto de vista mais aberto. Mas a verdade é que havia muito ódio e muita negatividade e eu queria mudar o enredo para o amor e apoio e unidade como americana", concluiu.

Notícias Relacionadas