economia 16/12/2016 às 14:58

Secretário de Estado indicado por Trump já criticou estupidez de Lula

Ex-Presidente da Exxon, Rex Tillerson atacou a estúpida exigência de participação da Petrobras no Pré-Sal. Ele estava certo.

Uma das últimas medidas aprovadas pelo Congresso quando Dilma Rousseff (PT) ainda ocupava a cadeira de Presidente da República foi a de acabar com a estúpida exigência da participação obrigatória da Petrobras na exploração do Pré-Sal. Tal exigência atrasou enormemente o início da operação destes campos de petróleo, já que a quadrilha petista incrustada na estatal petrolífera brasileira simplesmente destruiu sua capacidade operacional através da corrupção.


Eis que uma voz já tinha se levantado contra esta medida assim que ela foi anunciada por Luís Inácio Lula da Silva (PT). Trata-se de Rrex Tillerson, Secretário de Estado (o equivalente ao Ministro das Relações Exteriores) de Donald Trump. Tillersson alertou para o óbvio: "Nacionalismos não são bons para ninguém". Lula e Dilma, sua Ministra das Minas e Energia e depois da Casa Civil, fizeram ouvidos moucos. Afinal, era um maldito capitalista imperialista, certo? Eis que o tempo tratou de mostrar que ele tinha razão.


Tillerson tem um grande conhecimento do cenário brasileiro. Como Presidente da Exxon, acompanhava com a atenção a operação da gigante petrolífera americana em território brasileiro.


Mesmo assim, a atenção que o governo Trump deve dar ao país será provavelmente marginal.


Outra conquista dos governos Lula e Dilma foi nos reduzir à condição de anão diplomático. Levará tempo para nos reerguermos.

Notícias Relacionadas