esporte 07/02/2016 às 11:28

Inter vence Ypiranga por 3 a 2 no Beira-Rio

Gol da vitória, marcado por Aylon, foi alcançado somente nos acréscimos do segundo tempo. O próximo desafio é contra o Passo Fundo na quinta-feira (11).

O Internacional conquistou a primeira vitória no Gauchão Ipiranga, ao bater o Ypiranga por 3 a 2 na tarde deste sábado, no Beira-Rio, em confronto adiado da primeira rodada. O time colorado foi superior durante os 90 minutos, criando diversas chances de gol, mas Dudu - o goleiro reserva que entrou na etapa final - estava em jornada inspirada e dificultou ao máximo o sucesso dos atacantes. O gol da vitória, marcado por Aylon, foi alcançado somente nos acréscimos do segundo tempo. O próximo desafio é contra o Passo Fundo, na quinta-feira (11/2), às 19h30, no Gigante.

 

INTER LARGA ATRÁS, MAS BUSCA EMPATE

 

Desde os primeiros minutos, o Inter se impôs no campo de ataque, empurrando as linhas do adversário. Aos 3min, Vitinho fez lançamento para William, que cruzou para o próprio atacante finalizar, de cabeça, para fora. Um minuto depois, o time criou grande chance de abrir o placar: Alex chutou cruzado e o zagueiro cortou a bola praticamente em cima da linha. Aos 11min, em falta inexistente assinalada pelo árbitro próxima à área, Danilinho cobrou com qualidade e fez 1 a 0 para o Ypiranga.

 

O Colorado não se abateu e chegou ao empate de forma natural. Aos 23min, Vitinho alçou a bola para a área em cobrança de falta e, após bate-rebate, Paulão pegou rebote e chutou para o fundo da rede. 1 a 1!

 

Aos 31min, Réver cabeceou à esquerda do gol adversário, com perigo. O Ypiranga ameaçou aos 44min, em contra-golpe veloz que acabou com João Paulo chutando da entrada da área para a defesa salvadora de Alisson. 

 

VIRADA NO RECOMEÇO

 

O segundo tempo começou favorável ao Inter. Logo aos 4min, Alex cobrou escanteio, a zaga afastou mal e Rodrigo Dourado apareceu como elemento surpresa para chutar e virar o placar. 2 a 1! O Colorado manteve o ritmo forte e criou um verdadeiro bombardeio de chances de gol.

 

Aos 6min, Marquinhos, que havia entrado no lugar de Fernando Bob, fez bom passe para William, que chutou rente à trave esquerda. Aos 9min, Alex soltou uma bomba e Dudu, substituto de Carlão, se esticou todo para evitar que a bola entrasse. No minuto seguinte, Sasha cabeceou para fora, em grande oportunidade. Pouco depois, o atacante arriscou de longe e a bola passou muito próxima ao travessão. Aos 17min, William cruzou na medida para Sasha cabecear e Dudu defender providencialmente com o pé. Aos 19min, o goleiro fez outra grande intervenção, ao espalmar para escanteio o chute de Anderson.

 

YPIRANGA IGUALA O PLACAR

 

Em mais um lance isolado, o Ypiranga conseguiu empatar o jogo. Aos 21min, Wesley aproveitou cobrança de escanteio e, com o peito, empurrou a bola para o gol. Aos 30min, o goleiro Dudu fez nova defesa incrível, ao evitar que o desvio de Sasha por baixo entrasse. Aos 32min, Vitinho bateu falta, mas a bola ganhou muita elevação. Aos 34min, Andrigo, que minutos antes havia entrado no lugar de Alex, acertou o poste esquerdo, em belo chute das proximidades da área. Aos 42min, Aylon, substituto de Anderson, sofreu a carga na área, mas a arbitragem não marcou pênalti. Aos 43min, Aylon cabeceou para outra defesa salvadora de Dudu.

 

VITÓRIA NO APAGAR DAS LUZES

 

No finalzinho, aos 47min, Aylon apareceu novamente na área, mas desta vez para decidir: Sasha cruzou rasteiro e o atacante formado na base do Clube desviou para garantir a primeira vitória no campeonato.

 

FICHA TÉCNICA

 

Internacional (3): Alisson; William, Paulão, Réver e Artur; Rodrigo Dourado, Fernando Bob (Marquinhos, no intervalo), Anderson (Aylon, aos 32min do 2º tempo) e Alex (Andrigo, aos 25min do 2º tempo); Vitinho e Sasha. Técnico: Argel.

 

Ypiranga (2): Carlão (Dudu); Márcio Lima, Negretti, Wesley Santos e Laerte; Jessé, Jardel (Wesley), Robson e Danilinho (Jussemar); Túlio Rennan e João Paulo. Técnico: Leorcir Dall'Astra.

 

Gols: Danilinho (Y), aos 11min do primeiro tempo, Paulão (I), aos 23min do primeiro tempo, Rodrigo Dourado (I), aos 4min do segundo tempo, Wesley (Y), aos 21min do segundo tempo, Aylon (I), aos 47min do segundo tempo.

 

Cartões amarelos: Carlão (Y).

 

Total público: 9.747
Pagantes: 8.109
Menores: 989
Não pagantes: 649
Renda: R$ 213.435,00

 

Arbitragem: Daniel Soder, auxiliado por Lúcio Flor e Tiago Kappes Diel.

 

Local: Beira-Rio.

Notícias Relacionadas